2c6833b0-77e9-4a38-a9e6-8875b1bef33d diHITT - Notícias Sou Maluca Sim!: Junho 2012
sábado, 30 de junho de 2012 0 comentários

FILME-Assalto ao Trem Pagador


Assalto ao Trem Pagador

Uma das principais produções do cinema nacional brasileiro.

Assalto ao Trem Pagador é um filme policial baseado em fatos reais.

Um ousado assalto feito ao trem de pagamentos da Central do Brasil, no Rio de Janeiro. Ocorrido no ano de 1960. Que por muito tempo ocupou espaço no imaginário da população brasileira. A ousadia dos assaltantes foi tanta, a ponto da polícia responsável pelas investigações, na época, chegar a acreditar que o assalto teria sido arquitetado por estrangeiros.

Para a nossa alegria, O filme Assalto ao Trem Pagador está disponibilizado no You tube.

Lançamento: 1962

Duração: 86 min.

Direção: Roberto Farias

Gênero: policial

Música: Remo Usai

Elenco: Reginaldo Farias, grande Otelo, Eliezer Gomes, Jorge Dória, Ruth de Souza

Curiosidades:

- Baseado em um assalto real ocorrido em 14 de junho de 1960, às oito


horas e vinte e cinco minutos de uma manhã de junho, a quadrilha liderada por Tião Medonho, cinco mascarados armados de metralhadoras e revólveres deram o bote no trem pagador de prefixo SAP-21, tripulado pelo maquinista Venceslau José de Castro e pelo foguista Pedro José da Silva.

Nesse momento, a composição chegava à chamada “Curva da Morte”, no quilômetro 71 da linha auxiliar da Central do Brasil, próxima à estação Japeri.

Levava o pagamento de mais de mil ferroviários dessa e outras estações. Não era pouca coisa: 27 milhões de cruzeiros, a moeda brasileira da época. Daria para comprar 108 fuscas, modelo do ano, 0/Km, ou montar um impensável corcovado de 1.350 toneladas de batata de primeira qualidade.

Todo esse dinheiro estava contido numa caixa de madeira, guardada pelo pagador Cícero de Carvalho e dois auxiliares.

Para facilitar o ataque, os assaltantes dinamitaram os trilhos e fizeram descarrilar a locomotiva e o vagão. Entraram no trem disparando. Mataram um funcionário da ferrovia, Francelino Paulino Correa, que estava fora de serviço, viajando de graça, e feriram outros quatro. Pegaram o dinheiro e fugiram numa camioneta Ford de cor creme.

- O filme causou impacto por sua forte dose de realismo. Os tiros foram de verdade.

- O vagão usado foi o mesmo do assalto. Estava sendo desmontado na oficina, mas a Central concordou em reconstruí-lo, e na filmagem apareceram até os furos das balas de 1960.

- Muitos dos atores coadjuvantes foram os próprios funcionários que conduziam o trem no dia do crime. Por exemplo, o maquinista Venceslau José de Castro.

- Trata-se de uma reconstituição livre na qual somente o nome do líder da quadrilha foi mantido.

- O protagonista, Tião Medonho, foi interpretado pelo ator negro Eliézer Gomes, funcionário público, protestante e cantor da Igreja Presbiteriana de Madureira. Até então jamais havia aparecido no cinema, foi escolhido num concurso nacional.

- Rodado em 62 dias, ao custo de 18 milhões de cruzeiros, mais da metade do que fora roubado do trem pagador, havia dois anos.

- “ – Pobre não pode passar de ladrão de Galinha! Roubar pouco é que dá cadeia.

– “Mas não dá morte, e tu, por ter roubado feito rico pode acabar morto.” (diálogo do filme).

- Nos extras do DVD existem duas versões do filme, a original e a comentada pelo diretor, com legendas em português, inglês e espanhol. O trailer do filme O assalto ao trem pagador é apresentado por Grande Otelo e mostra, entre outras informações sobre o filme, o concurso que escolheu Eliezer Gomes (ex-motorista de ambulância) para o papel de Tião Medonho.

Fonte: Meu cinema brasileiro http://blog.meucinemabrasileiro.com/

Site Wikipédia http://pt.wikipedia.org/wiki/Wikip%C3%A9dia:P%C3%A1gina_principal

Cinemateca brasileira http://www.cinemateca.gov.br/


terça-feira, 26 de junho de 2012 1 comentários

Tia Suely parte2


A pouco tempo escrevi um poste falando sobre a Tia Suely. Uma Senhora que faz liderança comunitária em ao menos 3 comunidades entorno da casa dela.

Até hoje não existem creches nessas comunidades, sendo assim, as mães se arrumam como podem, para ter quem cuide de suas crianças, enquanto trabalham.

Tia Suely percebendo o sacrifício dessas mães começou a tomar conta de 1 criança, 3 crianças, 10 criança...

Quando se deu conta sua casa havia se tornado em creche. Sozinha, não conseguia dá conta de tudo, mas não tinha coragem de deixar em desamparo as mães e menos ainda as crianças que cuidava com carinho.

Daí, os vizinhos vendo o seu esforço a ajudava, as próprias mães no dia em que não trabalhavam e nas horas de folga. Sua amiga Lucinha (Tia Lucinha, Cavaleiro da Esperança), as filhas, o marido.

Por incontáveis vezes, Tia Suely tirou do próprio bolso, dinheiro para a alimentação dos pequenos.

Nesses lugares onde muita gente faz questão de virá a cara para não ver a pobreza, mesmo a alimentação, tão importante para a nossa sobrevivência diária, acaba sendo difícil de garantir. E figuras como as de Tia Lucinha e Tia Suely passam a ter suma importância. Enquanto políticos como o Vereador Roberto Monteiro, que tenta esse ano se reeleger, de novo, novamente, mais uma vez, se preocupam apenas com as melhores formas de sugar os cofres públicos.

Gostaria de lembra, que Tia Suely nunca foi candidata a nada e não se dedicou a longo anos a cuidar das crianças de sua comunidade no intuito boçal de acarear votos ou se mostra de alguma forma.

Ela faz esse e outros trabalhos, porque assim como acontece comigo, sua consciência exige que ela não fique passível diante da miséria.

segunda-feira, 25 de junho de 2012 0 comentários

NÃO HÁ MAIS MOTIVOS PARA ESCONDER


“Existe um mito de que mãe é sempre mãe.

Mentira, também nasce gente de pessoas má”

Quando o algoz é quem deveria te protege, não há nada mais o que fazer, além de tentar sobreviver a cada dia...

È muito difícil dormir e acordar com o agressor. Não saber quando, nem porque virá a próxima agressão. Apenas ter a certeza que virá!

A esperada salvação não vem de nada,nem de ninguém.

O que pode fazer uma criança cujo o maior companheiro é o medo?

Os familiares desconfiam, outros têm certeza, mas ninguém está disposto a encarar o problema. Ignoram, escondem. E continuam vivendo a sua vida com naturalidade.

É o pacto de silêncio que definitivamente exime a todos de qualquer responsabilidade.

Em estória de detetive a culpa e sempre do mordomo. Quando uma criança é violentada dentro da própria casa a culpa é de quem?

Tenho 28 anos de idade e ainda não esqueci o estupro que sofri aos 5 anos, por um dos namorados da minha mãe.

Paulo, esse era o nome do maldito que o diabo carregou um homem de mais de 40 anos. Perdoei minha mãe por tudo, mas jamais esquecerei. Minha mãe morreu achando que eu fui uma vadia por seduzi o namorado dela.

Eu não entendo! E minha alma ainda dói. Provavelmente a dor pungente ficará para sempre.

domingo, 24 de junho de 2012 0 comentários

TESTE DO SOFÁ



Quando me filiei ao PCdoB não passou por um momento se quer em minha cabeça que estava assinando uma ficha de prostituição.
Cegamente acreditei no PCdoB, como sendo um partido sério, de pessoas agrupadas por essa sigla com interesse de fazerem política e não politicagem.

Não lembro de ter visto, mas deve haver nas entre linhas da ficha partidária escrita em letras bem miúdas algo como:
A partir desse momento você passará a ser uma prostituta de luxo cafetinada pelos dirigentes e demais membros do partido.
Nunca estive disposta a tal sacrifício e não estou, porém cometi o erro de assinar minha filiação sem perceber esse tão expressivo item.

Hoje sei que além de manter uma linha de pensamento errada, eu estava tendo uma visão muito romântica do partido e seus interesses.

Tomar consciência do meu engano me deixa perplexa,  indignada e mesmo revoltada por saber que tantas mulheres do partido achem a prostituição natural. Ainda pior, muitas delas fingem não enxergar o que fazem como sendo prostituição, pois estão se deitando como homens poderosos em troca de cargos, dinheiro, posição social.
Logo, são damas honesta.

Nesse caso, mulheres como Eu que não se encontram dispostas a se deitarem com homem algum, seja ele qual for, por cargo, dinheiro...acabam sendo mal vistas em um meio social onde as posições estão muito bem determinadas. E a clientela é farta.

Mulher, principalmente jovens e bonitas no PCdoB só tem uma finalidade:
Servi aos apetites sexuais dos dirigentes.

Ao que parece todos aqueles que se diziam meus camaradas de partido estão achando muito estranho eu me negar aos cargos, a prostituição velada. Não estão acostumados a isso.
Se me filiei ao PCdoB em suas automatizadas concepções, é porque almejava cargos. 

Sendo assim, todas a mulheres devem passar pelo mesmo ritual. Nisso o PCdoB é bem democrático. Nenhuma mulher bonita deve ficar de fora do “testes do sofá”.

Já fiquei em depressão. Meu mundo ficou de pernas para o ar diante de tantos absurdos, antes por mim inconcebíveis, mas agradeço a pessoas como João Carlos de Carvalho e Carlos Anjos Estrela por terem deixado as claras, antes tarde do que nunca, a realidade do Partido Comunista do Brasil.

É por essa e outras razões que eu sai desse mundo de faz de conta que são honestos no PCdoB. O que para eles é normal para mim é uma agressão a alma. 
links indicados: Mucamas do PCdoB
sexta-feira, 22 de junho de 2012 0 comentários

Toda bêbada canta!



Para aquelas que como Eu irão curtir a noite de sexta-feira. Não se esqueçam que existe a manhã da segunda feira!


quarta-feira, 20 de junho de 2012 0 comentários

CEPERJ e suas mutretas. E isso é só o começo!

20/06/2012 - 08:13

Candidatos entram na Justiça contra resultado de concurso para inspetor de segurança penitenciária

Grupo de candidatos insatisfeitos com critérios de correção das provas do concurso para secretaria de estado de Administração Penitenciária (SEAP) entrou com ação contra a Fundação Centro Estadual de Pesquisas e Formação de Servidores Públicos (Ceperj), organizadora do certame. Segundo os candidatos, a prova de 70 questões foi mal desenvolvida e recursos encaminhados foram solenemente ignorados pela comissão organizadora. Eles ainda alegam que das sete questões da avaliação eram explicitamente passíveis de recursos apenas uma terminou anulada.

O grupo quer que a comissão organizadora admita os erros cometidos na preparação da prova e justifique o motivo de não aceitar recursos, de publicar uma lista de convocados sem classificação e de utilizar critérios subjetivos e obscuros para publicar, ou não, resultado de justificativas e convocação sem classificação. O concurso destinou-se a preencher 800 vagas para o cargo de inspetor de segurança penitenciária classe III. As provas ocorreram em maio e contou com 55 mil inscritos.



Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/candidatos-entram-na-justica-contra-resultado-de-concurso-para-inspetor-de-seguranca-penitenciaria-5260789#ixzz1yNYB7jrG
© 1996 - 2012. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
domingo, 17 de junho de 2012 1 comentários

JOÃO CARLOS DE CARVALHO O TODO PODEROSO DA CEPERJ/PCdoB



Quanta coincidência!


João Carlos de Carvalho dirigente do PCdoB/CEPERJ  é mesmo um covarde, tem de usar da máquina publica para se defender de uma mulher pobre. A que ponto chegamos? 

A instituição CEPERJ é uma das responsável pela aplicação das provas de concurso publico no estado do Rio de Janeiro. Todos os dirigentes da CEPERJ (todos) são membros do PCdoB e ao mesmo tempo ocupam cargo de direção nesse partido.


http://www.fesp.rj.gov.br/Institucionais/instituicao.html
Essa gente está fazendo da CEPERJ o que quer. Ao que parece está rolando solto: desvio de dinheiro, manipulação dos resultados dos concursos públicos... E tudo de forma muito confortável dada a certeza absoluta de impunidade.


Em outras palavras: Até então quando se pesquisava no Google “João Carlos de Carvalho + CEPERJ apareciam somente minhas denuncias,  referente a  abusos e desrespeito as mulheres, uso da máquina pública,  E de repente em um mesmo dia o site da Instituição passa a vincular diversas páginas sobre evento do movimento de mulheres e salientando a participação de João Carlos nesse evento. Lembrando que tal evento de mulheres ocorreu também no PCdoB e pelo PCdoB.


PCdoB X CEPERJ X João Carlos de Carvalho


Se você duvida de mim cruze os nomes que estão na lista do link acima com a palavra PCdoB, começando pelo diretor geral da casa Jorge Barreto, amigo pessoal do Sr. João Carlos de Carvalho.

Sendo assim, alguém teria como mensurá as massivas quantias de dinheiro que o PCdoB vem tirando da manipulação dos concursos públicos? Contratação de pessoas (terceirizados) que ficam sem receber salários. Sem falar no prato feito para a criação de funcionários fantasma.  

Enquanto isso no PCdoB, ou o governo parece que ninguém faz qualquer questão de esconder a mutreta. Segue-se descaradamente o suga-suga  dos cofres públicos.


São os intocáveis!

Mas uma prova dessa baderna está no fato de que a partir do dia 14/06/2012 o dirigente João Carlos de Carvalho passou a valer-se do site da instituição para tentar se passar por um homem que respeita os direitos das mulheres. Mesmo diante de tantas provas contrárias.

O site da  CEPERJ está sendo claramente usado para os interesses pessoais do Sr. João Carlos de Carvalho e companhia.




Links indicados:






sábado, 16 de junho de 2012 0 comentários

FILME-Ed Morte


Se você é uma daquelas pessoas que ainda não assistiu ao filme Ed Morte, prepare-se para boas risadas. O filme é baseado em um personagem do escritor Luis Fernando Veríssimo e satiriza entre outras coisas os programas infantis apresentados por Xuxa e Angélica na época de sua produção(1997).

Umas das curiosidades do filme esta no seu elenco onde encontramos nomes como:

Chico Buarque

Gilberto Gil

Marília Gabriela

Cauby Peixoto...

Sinopse e detalhes

Duração: 102 min.

Gênero: Comédia satírica

Classificação: Não informado

Lançamento: 1997

Direção: Alain Fresnot

Em São Paulo, Ed Mort (Paulo Betti) é um detetive de nona categoria, que mora em um cubículo, está sempre sem dinheiro e no café da manhã come pastel e garapa (fiados, obviamente). Um dia Ed é procurado por Dayse (Roseane Lima), uma sensual e misteriosa mulher que quer ajuda para encontrar o marido, o Silva, que é um mestre em disfarces e aparece disfarçado como: Chico Buarque, Marília Gabriela, Cauby Peixoto, Luiza Tomé, Gilberto Gil e José Mojica Marins. Mas é o Silva que encontra Ed para revelar-lhe que descobriu na Delbono, uma indústria de salsichas onde trabalha, um maquiavélico plano. Ed se defronta com Nogueira (Ary Fontoura), o presidente da fábrica, e ainda precisa evitar o delegado Mariano (Otávio Augusto), um corrupto que sempre está perseguindo Ed. Tudo se complica ainda mais quando Ed investiga o sumiço de um garoto e se envolve com Cybele (Cláudia Abreu), a apresentadora de um programa infantil patrocinado pela Delbono, que odeia crianças.

Fonte: Site interfilmes

Site Wikipédia

O áudio e a imagem do vídeo abaixo não estão em boa qualidade! De qualquer forma, divirta-se.

sexta-feira, 15 de junho de 2012 0 comentários

Tia Suely Mulher Guerreira.


Tia Suely para minha felicidade é mãe de um amigo meu.
Uma senhora baixinha na altura, mas gigante na sua comunidade.
Essa mulher desconhece a riqueza trazida pelo dinheiro, mas tem para esbanjar a riqueza de caráter.
Tia Suely consegue apesar das adversidades ser admirada e respeitada nas 3 comunidades que circulam sua residência. Sendo elas:
Cavaleiro da Esperança, Tiradentes e Cavalo de Aço.
Mesmo localizando-se na capital da rica cidade do Rio de Janeiro, essas comunidades parecem muitas vezes esquecidas por Deus, dada a precariedade que se encontram seus moradores.



Bem, Deus pode não ter esquecido, mas os políticos só recordam da existência dessas comunidades nos períodos de eleição. Nessas horas eles tentam se aproveitar de pessoas sérias como Eu, a Tia Suely.
Já que cavaleiro da Esperança, Tiradentes e Cavalo, de aço juntas possuem enorme quantidade de votantes. Também possuem muitos problemas, mas nossos políticos fazem vista grossa e deixam as resoluções para a próxima campanha.
Mas a Tia Suely continua Lá. O tempo todo lutando além do que pode, na tentativa incansável de melhorar o lugar em que vive.
De amenizar a pobreza e o sofrimento dos outros.
Uma liderança invejável, estabelecida sem o uso de qualquer tipo de violência ou coação.
Suas armas são apenas o seu trabalho e a força do amor a sua comunidade, que expande em muitas outras.
A campanha política de 2010 me deixou muitas recordações ruins, mas Tia Suely e sua família são agradáveis presentes. Jóias inestimáveis que encontrei em meio a lama.
Infelizmente confiando na palavra do dirigente estadual do PCdoB/CEPERJ/ABEGÀS... o Sr. João Carlos de Carvalho. Eu acabei sendo a responsável por trazer essa Mulher para a campanha do Kique Carvalho.
Agora, mesmo com todo o carinho e sobre tudo respeito que tenho pela Tia Suely me falta coragem de a olhar nos olhos depois do calote que o João Carlos deu.
Infelizmente o dinheiro do Sr. João Carlos de Carvalho ficou nas mãos dos milicianos.
Gente de bem, que trabalhou de verdade não só para a campanha mais para o PCdoB ficou para depois. E lá se vão quase 2 anos.
Tia Suely, mas uma Mulher prejudicada pela falta de caráter do dirigente do PC doB/ CEPERJ... João Carlos de Carvalho. É isso que o PCdoB apóia? É com esse desrespeito que devem ser tratados todos os que são pobres?

Junto ao seu amigo Jorge Barreto diretor geral do CEPERJ econseqüentemente também dirigente do PCdoB, João Carlos de Carvalho usa da maquina publica, nesse caso a própria instituição estadual CEPERJ para a sua defesa pessoal. A parti do dia 14/06/2012 a "instituição" tenta através de seu site salientar o nome do Sr. João Carlos de Carvalho como sendo um defensor dos direitos das mulheres.A titulo de curiosidade ao final da página da instituição vocês poderão ver uma fotografia onde o próprio parece está em um velório. Por que será?http://www.fesp.rj.gov.br/noticias/Janeiro_12/09/amu.html


Links indicados: Mucamas do PCdoB
quinta-feira, 14 de junho de 2012 0 comentários

PERIGUETE parte5


Três horas da madrugada.

Consegui sair da boate.

Minha amiga fala comigo gritando e gesticulando. Depois eu que sou maluca. Maluca mesmo pois não estou ouvindo nada, só um zumbido insuportável.

Danou-se. Estou surda!

Existe um limite de decibéis suportáveis pelos ouvidos humanos e acho que extrapolei.

Estou surda, ou então isso está acontecendo porque estou doidona de cheirar maconha.

Aquela fumaça de efeito da boat não estava pura, tinha muita gente fumando maconha em um espaço tão pequeno e fechado.

Eu devo está doidona de tanto cheirar a fumaça deles.Algo como fumante passivo.

Minha amiga tem a genial idéia de tirarmos as sandálias.

Não é muito bonito Enem um pouco sexe andar descalço na rua mas...

Exeto enfrente ao evento quase não há pessoas na rua ao não ser Eu e minha Amiga vestidas de Piriguete.

Cruzamos a esquina, ninguém! Completamente deserta.

Está vindo um carro. Desacelerou...

É um carro verde e vidros escuros. Não me pergunte modelo de carro era. Não faço a menor idéia se era fusca ou BMW. Não importa. Caramba... era um carro do mal!

quarta-feira, 13 de junho de 2012 0 comentários

PERIGUETE parte4


A roupa está molhada de suor. a maquilagem barata deve está toda borrada e esse salto agulha me deixa gostosa, mas está matando os meus inocentes pezinhos.e ainda tem essa tirinha da sandália roçando no meu dedo mindinho.

Isso vai dá uma bolha filha da ***

Uma hora e trinta da manhã, para mim chega.

Quero ir embora.

O problema é que ninguém quer sair a essa hora.Tem uma tradição louca que a hora certa de se ir embora da balada é a hora em que a casa fechar.

Mesmo assim uma amigo se oferece para acompanhar eu e minha amiga até nossas casas. Desde que esperemos apenas mais meia horinha.

O que são mais meia hora no inferno, para quem chegou até aqui, não é mesmo! Vamos esperar é mais seguro.

Uma bicha louca começou a abraçar todo mundo e pedir para tirar fotos para o fotolog, ou algo assim.

E todos nós fizemos pose para tirar fotos escuras, esfumaçadas, com cara de babaca, onde quase todo mundo saiu de olhos vermelhos por causa da iluminação do boat. Uma coisa horrorosa!

Espero até as duas. chegando as duas e meia da madrugada, peço arrego.

Chega!

Me bateu a síndrome do E.T. Quero minha casa!

Sozinha, acompanhada, não me importo. Sem problemas,Eu enfrento os perigosos bandidos das ruas. Eu quero minha casa!

terça-feira, 12 de junho de 2012 0 comentários

1° SESSÃO DE CINEMA NO BRASIL



Para entendermos a importância do cinema e o assombro causado naqueles que tiveram a oportunidade de assisti-lo ainda no final do século XIX, é preciso um esforço de nossa imaginação, para nos colocarmos em uma época sem internet, telefones celulares, automóveis velozes...

Um momento o qual as novidades e a noção de tempo são mais vagarosas.
Enquanto a fotografia, ou seja, o registro mecânico da imagem ainda se apresenta como grande novidade. É realizada na frança a 1° sessão de cinema. Menos de 7 meses depois ocorre a 1° sessão no Brasil, no dia 8 de julho de 1896, na Rua do Ouvidor n°57(salão de Novidades).

Os ingressos para o espetáculo eram vendidos a baixo custo o que facilitou sua popularização.
O cinema foi apresentado no Brasil como novidade do setor de entretenimento, que se expandia largamente, em razão da existência de uma classe social mediana pré disposta a gastos nesse setor.

Observem o que dizia o jornal Gazeta de notícias em janeiro de 1898, a exibição do animatographo Lumière:

“Salão de novidades – Rua do Ouvidor Salve Século XIX Salve Animatógrafo Lumière – Salve Século XIX Salve Animatógrafo Lumière – A última palavra do engenho humano. A mais sublime maravilha de todos os séculos. Pinturas moverem-se, andarem-se, trabalharem, ouvirem, chorarem, morrerem, com tanta perfeição e nitidez, como se 
Homens, animais e coisas naturais fossem, é o assombro dos assombros. Salve Lumière! 

O Animatógrafo Lumière é invento tão majestoso, soberbo e imponente, que a própria natureza, que privilegiou o seu autor, conserva-se estática diante de sua pasmosa contemplação!

A exibição dos diversos quadros, que serão expostos à admiração do público é tão primoroso e sedutor atrativo, que, quem pó ela é uma vez surpreendido, procura irresistivelmente emergir sempre o seu espírito observado na deliciosa admiração desse assombro espetáculo!

As exma . famílias dessa Capital encontrarão AA Rua do Ouvidor n ° 141, um salão de espera digno de sua recepção e iluminado a luz elétrica.

A máquina exibidora desses maravilhosos quadros será posta em ação pela exma. Consorte do insigne professor Robert Smith, que veio trazer a população desta Capital o produto estupendo de um cérebro ingente e privilegiado, como é o sábio Lumière.

Ao Animatographo, pois de Lumiére, cabem hoje de todo mundo civilizado os aplausos bem merecidos de uma admiração sem limite!
Entrada, 1$000’’



Fonte: Gazeta de Notícias. Rio de Janeiro, 31 de julho 1897, p.1.Apud idem, ibidem, p.93-4.
Malta, Pedro Paulo; Revista História da biblioteca nacional.
Site Wikipédia
0 comentários

PERIGUETE parte3


Ir ao banheiro é um desafio.

Bem na entrada tinha uns molequinhos muito dos babacas, fazendo uma espécie de corredor polonês, para poder passar a mão nas meninas.

E sinceramente eu não estava nem um pouco a fim de ficar sendo apalpada por um bando de fedelhos idiotas.

Mesmo sendo mulher não sei explicar o porque a maioria de nós vai ao banheiro em bando.

Mas tive uma idéia do porque depois dessa noite. Mediante ao quadro, desenvolvi o seguinte:

Chama-se modo de defesa.

Você junta o maior número de coleguinhas que conseguir encontrar, dai, faz um trenzinho, tomando o cuidado de deixar as mais bêbadas e a periga(muito tempo sem homem), nas extremidades.

Essa dica é muito importante, pois colocando as mais periguetes nas pontas, elas irão servir como distração para os mãos bobas.

Daí você se aloja estrategicamente no meio desse trenzinho de meninas.

Vai empurrando, empurrando todo mundo... e pronto.

Você conseguiu entrar no banheiro relativamente segura!

Para sair vale a mesma técnica.

Lembrando que agora o grupo é menor. Pois sempre fica uma ou outra menina pelo meio do caminho tentando garantir os amassos daquela noite. E sempre perde-se outra que não vai sair do banheiro tão cedo, porque está ao telefone discutindo a relação com o namorado.

Então, muita calma nessa hora!

 
;